Pangasius sustentável do Vietname – um projeto exemplo da WWF

Pangasius sustentável do Vietname – um projeto montra da WWF

Pangasius: barato, desossado e neutro em sabor – os critérios que tornam este um peixe popular, bem como um ingrediente versátil na cozinha. Apesar disto, poucos peixes são tão disputados como este. Um projeto da WWF que visa tornar sustentável toda a cadeia de fornecimento.

85% dos pangasius vem do Vietname – o maior exportador do mundo. A maior quantidade é proveniente da aquicultura: em 2013 977.000 toneladas de pangasius foram exploradas nos 6.000 ha e exportadas para 135 países – principalmente para a União Europeia, contabilizando 22% das exportações. [1]

O pangasius vietnamita teve, por vezes, a má reputação de condições de produção insustentáveis. Um dos principais problemas é a purificação da água uma vez que a criação intensiva de peixes cria uma grande quantidade de excrementos. Assim como também, existe poluição através de produtos químicos e antibióticos usados para combater as epidemias e as doenças. A aquicultura é realmente apenas uma alternativa sensata ao peixe selvagem se for gerida de forma responsável e sustentada!

Assumir a responsabilidade pelos produtos que respeitam o ambiente significa garantir a melhoria da produção ambiental de detritos no futuro. A WWF, em conjunto com os parceiros do projeto vietnamita, implementou o projeto cofinanciado pela UE, “estabelecer uma cadeia de fornecimento sustentável de pangasius no Vietname.” Por meio do qual o projeto pangasius deve tornar sustentável toda a cadeia de abastecimento, desde a aquicultura à gestão para exportação.

Todos os que participam nas operações de aquicultura no Vietname devem ser capazes de provar que medidas concretas se encontram estabelecidas de forma a melhorar a utilização de recursos e alcançar uma produção mais limpa, economizando energia e reduzindo o consumo de água e resíduos.

Outro objetivo do projeto é conseguir que 50% das pequenas e médias empresas se tornem certificadas ASC, ao mesmo tempo que se alinham com os padrões ecológicos e sociais ASC. O Aquaculture Stewardship Council é um rótulo para peixe proveniente de aquicultura que foi produzido de forma ambientalmente e socialmente responsável. Os critérios de atribuição ASC definem condições claras para a aquicultura que determinam a densidade populacional, a alimentação e uso de medicamentos e proíbem o trabalho infantil.

Os consumidores podem dar um contributo ativo para a sustentabilidade através das suas decisões de compra! Nos seus conselhos de compra de peixe, a WWF recomenda a verificação da existência do logotipo ASC no momento da compra de pangasius e, assim, ter uma influência positiva sobre os requisitos ecológicos e sociais envolvidos na produção de pangasius do Vietname.

 

Fonte:

[1] Revista AQUA culture Volume 10, Número 4 Julho/Agosto de 2014. Indústria do pangasius Vietnamita em 2014. Página 43;http://www.aquaasiapac.com/content-070814.php

Share This